sábado, maio 13, 2017

Anitta no México

FÉRIAS

Veja fotos das férias de Anitta no México












Anitta aproveitou uma folguinha na sua agenda para curtir "mini-férias" em Cabo San Lucas, na Península de Baja Califórnia, no México.

Créditos: Reprodução/Instagram

Sikêra Júnior viralizou geral.

TV e Cinema

Sikêra Júnior considerado o maior showman da atualidade em Alagoas, viralizou e ganhou fama nacional ao rogar praga nos maconheiros, agora defende gays em seu programa

ReproduçãoSikêra Júnior
Por Redação Virgula
Em um vídeo publicado em seu Facebook no dia 24 de abril, Sikêra sai em defesa dos gays de maneira muito engraçada. No trecho do programa, o apresentador diz: “Eu quero ser gay. Pronto. E agora? E aí, o que que vai acontecer? Aí o cara vai dar em mim porque eu inventei de ser gay? VEM! Pra eu te rasgar no meio, fi da peste“.Sikêra Júnior é o maior showman da atualidade. O apresentador da afiliada do SBT em Alagoas ganhou fama nacional ao rogar praga nos maconheiros, dizendo que eles iam morrer antes do natal.

video
Sikêra depois diz que um agressor é “enrustido”. “Esse tá enrustido, não tá não? Sai do armário, meu filho”, diz o apresentador.
No fim do vídeo, ele ainda dança “Bad Romance”, de Lady Gaga, depois de dizer que Anitta não é muito a sua praia.
São quase dois minutos completamente imperdíveis:

quarta-feira, maio 10, 2017

O que a Petrobras vai fazer?

ECONOMIA

CARRO MOVIDO A ÁGUA, O MAIS NOVO COMBUSTÍVEL DO MUNDO

video

Lula diz a Moro que se for absolvido juiz tem que estar preparado para sofrer ataques

POLÍTICA



BRASÍLIA (Reuters) - O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta quarta-feira, na conclusão do depoimento que prestou ao juiz Sérgio Moro, que caso haja indicações de que será absolvido no processo a que responde na operação Lava Jato, as críticas ao magistrado vão aumentar.  Artigo Completo  

sábado, maio 06, 2017

ENTREVISTA-Brasil precisa mudar cultura política e isso demanda tempo e bons exemplos, diz FHC

POLÍTICA


SÃO PAULO (Reuters) - O sistema político brasileiro vai mal, mostrou a Lava Jato, e precisa ser reformado, mas, mais importante que isso, o que precisa mudar mesmo é a cultura política do país e isso não acontece de uma hora para outra, é um processo que demanda "tempo e exemplaridade", avalia o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.  Artigo Completo

Ex-diretor diz que Lula tinha “pleno conhecimento” de corrupção na Petrobras

POLITICA

O ex-diretor da Petrobras Renato Duque afirmou nesta sexta-feira ao juiz federal Sérgio Moro que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tinha o "pleno conhecimento" e o "comando" do esquema de corrupção dentro da estatal. Duque também afirmou que Lula teria lhe dito que não poderia ter nenhuma conta no exterior no nome dele.


BRASÍLIA (Reuters) - O ex-diretor da Petrobras Renato Duque afirmou nesta sexta-feira ao juiz federal Sérgio Moro que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tinha o "pleno conhecimento" e o "comando" do esquema de corrupção dentro da estatal. Duque também afirmou que Lula teria lhe dito que não poderia ter nenhuma conta no exterior no nome dele. 

O ex-diretor de Serviços relatou a Moro ter mantido três encontros com Lula, sendo que o último ocorreu já no curso da operação Lava Jato, em 2014. Segundo o ex-diretor, a última reunião com o ex-presidente ocorreu no hangar de uma companhia aérea no Aeroporto de Congonhas no qual, na versão dele, Lula perguntou se ele tinha uma conta na Suíça para receber recursos da empresa SBM. Lula disse-lhe que a então presidente Dilma Rousseff tinha recebido a informação que um ex-diretor da Petrobras teria recebido dinheiro na conta na Suíça, da SBM. "Eu falei não, não tenho dinheiro da SBM nenhum, nunca recebi dinheiro da SBM", disse. Pouco depois, segundo Duque, Lula afirmou: "Olha, presta atenção no que vou te dizer. Se tiver alguma coisa, não pode ter. Não pode ter nada no teu nome, entendeu?" Duque disse ainda: "Eu entendi. Mas o que eu iria fazer?" O ex-diretor admitiu que era uma "consequência" arrecadar recursos para partidos políticos a partir de contratos da Petrobras. Ele disse que ninguém lhe fez pedido para arrecadar recursos ilícitos, mas, destacou, que era uma situação "institucionalizada" e que envolvia os "grandes contratos". Indicado para a diretoria pelo PT, o ex-diretor disse ter tratado com todos os tesoureiros do partido contemporâneos a sua gestão sobre arrecadação de campanha. "Eu sabia que isso acontecia e permiti que isso acontecesse", confessou. Preso e condenado na Lava Jato, Duque decidiu prestar o depoimento espontaneamente. Ele admitiu que deseja firmar um acordo de delação premiada. "Gostaria de deixar claro que a minha intenção aqui é atuar como colaborador, dizer a verdade, esclarecer o que for possível e estiver ao meu alcance neste caso e em outros que o senhor julgar necessários", disse.

A assessoria do ex-presidente afirmou, por meio de nota, que o depoimento é mais uma tentativa de fabricar acusações contra Lula nas negociações entre procuradores da Lava Jato e réus condenados, com o objetivo de garantir uma redução de pena.

Segundo a nota, os acusadores de Lula apelaram para depoimentos mentirosos após não terem conseguido produzir uma prova contra o ex-presidente em dois anos de investigações.

“O desespero dos procuradores aumentou com a aproximação da audiência em que Lula vai, finalmente, apresentar ao juízo a verdade dos fatos", disse a nota, acrescentando que a audiência do ex-presidente foi adiada em uma semana sob o falso pretexto de garantir a segurança pública. A audiência do ex-presidente com o juiz Sérgio Moro, marcada inicialmente para dia 3, foi reagendada para o dia 10, sob argumento de necessidade de reforço de segurança.

"Na verdade, como vinha alertando a defesa de Lula, o adiamento serviu unicamente para encaixar nos autos depoimentos fabricados de ex-diretores da OAS (Léo Pinheiro e Agenor Medeiros) e, agora, o de Renato Duque.”

(Por Ricardo Brito)

sexta-feira, maio 05, 2017

WhatsApp vai ser encerrado nesta sexta?

REDE SOCIAL

WhatsApp vai ser encerrado nesta sexta? Não caia em mais este boato

REDAÇÃO OLHAR DIGITAL 04/05/2017

(Foto: Reprodução)

Uma imagem curiosa tem sido compartilhada entre usuários do WhatsApp nesta quinta-feira, 4. O que parece a captura de tela do site G1 mostra um texto, cheio de erros de ortografia, sobre o suposto encerramento das atividades do WhatsApp.

Veja também:Google aproveita queda do WhatsApp para promover seu próprio app de mensagensNovo Status do WhatsApp já é mais popular que o próprio SnapchatWhatsApp volta a funcionar após duas horas fora do ar

Muitos leitores do Olhar Digital nos procuraram para saber se isso é verdade, e a resposta é simples: não, não é verdade. O WhatsApp não vai ser encerrado nesta sexta-feira, 5, como sugere o texto. Trata-se de um boato não muito bem elaborado feito apenas para enganar os desavisados.

O texto diz que "milhões de pessoas" já ficaram sem WhatsApp na última quarta-feira, 3, por conta do processo de encerramento do app. Isso também não é verdade. Um problema ainda não esclarecido pelo Facebook (que é dono do serviço) tirou o WhatsApp do ar, mas ele já está funcionando novamente.

Procuramos o próprio WhatsApp e, em nota, a assessoria da empresa confirmou que essa história não passa de um boato. Fica a dica: tome muito cuidado com informações "urgentes" que podem aparecer de tempos em tempos nos grupos e nas conversas do app.

sábado, abril 29, 2017

Sabia que está autorizada pela Reforma a blindagem patrimonial?

OPINIÃO

Quando a verdade é posta e explicada por quem é, literalmente, autoridade no assunto. Com a palavra:

Para quem acha que essa Reforma Trabalhista vem para modernizar as relações de trabalho e não para retirar direitos, sugiro uma lida rápida em algumas "novidades" por ela introduzidas:

Sabia que está autorizada pela Reforma a blindagem patrimonial? Ou seja, seu “patrão” poderá criar uma nova empresa, com os mesmos sócios, e mesmo que ela seja sócia majoritária da empresa em que você trabalha, ela não responderá por nenhuma verba trabalhista? Novo artigo 2º, §3º da CLT.

Você sabe que se o seu “patrão” vender a empresa, ele não será mais responsável por suas verbas trabalhistas, mesmo que você trabalhe 5 anos para ele, e 1 dia para a empresa nova? Novo artigo 448 da CLT

Voce sabia que se uma marca famosa de roupas contratar uma empresa para fabricar exclusivamente suas roupas, e esta explorar trabalho análogo ao de escravo, esta marca não poderá mais ser responsabilizada de nenhuma forma? Novo artigo 3º, §2º da CLT

Você sabia que passa a existir a modadlidade de dispensa “por acordo”, em que o empregado receberá metade do aviso prévio e da multa do FGTS, saca 80% do FGTS, e não tem direito ao seguro desemprego, e o sindicato não precisará mais homologar para saber se o acerto está certo? Na prática, o “acordo” será: assina ou não recebe...Novo artigo 458 da CLT

Te contaram que se você tiver formação superior e receber mais do que R$11.062,62, não pdoerá questionar cláusulas que considere injustas do seu contrato na Justiça do Trabalho? Seu contrato terá o mesmo valor que uma Convenção Coletiva firmada por sindicato, e terá prevalência também sobre a lei. Novos artigos 444 e 611-A da CLT

Alguem te disse que você poderá ser contratado sempre como “autônomo”, independente de sua função, ainda que trabalhe exclusivamente para seu patrão todos os dias? Vai sobrar algum empregado? Novo artigo 442-B da CLT

Sabia também que agora você poderá ser contratado de forma intermitente? Nesse contrato, se a empresa quiser que você trabalhe menos dias ou menos horas em uma semana de menor movimento, você só receberá pelas horas trabalhadas, e não um salário mensal ajustado. Ou seja, não poderá programar adequadamente nem os dias e horários de trabalho, e nem saberá quanto receberá ao final do mês. Novos artigos 443 e 452-A da CLT

Sabia que o valor do dano moral do trabalhador será medida de acordo com seu salário? OU seja, se houver morte, lesão, humilhação por culpa da empresa, a vida de quem ganha mais terá maior valor, e a de quem ganha menos, menor valor? Novo artigo 223-G§1º da CLT.

A seguir, a página da Juíza no facebook:
https://www.facebook.com/Tamarahiss?fref=ts
Tamara Hiss

28 de abril tornou-se um marco, o dia da verdade', diz dirigente da CNTE

GREVE GERAL

Para Rosilene Lima, greve geral mostra que mobilização contra as reformas ganhou força. "A greve caiu na boca do povo. Nos últimos dias, e hoje, em toda casa no Brasil a greve foi tema de conversa"

Recado ao governo, aos políticos e ao Judiciário, maior greve da história do país consolida mobilização popular

São Paulo – Mais do que um dia nacional de paralisação contra a reforma da Previdência e trabalhista do governo de Michel Temer, esta greve geral de hoje (28) tornou-se um marco na história do país. "A partir de hoje o povo brasileiro tem uma clareza maior sobre o significado dessas reformas e do papel que passa a ter na defesa dos seus direitos", avalia a dirigente do Sindicato dos Professores no Distrito Federal (Sinpro-DF) e da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) Rosilene Corrêa Lima.

"A adesão de boa parte da população, e o apoio daqueles que, infelizmente, não tiveram como vencer as pressões dos patrões e para irem trabalhar, demonstram que o povo agora sabe que não se trata de uma greve de uma categoria específica, por uma pauta específica, e sim de um movimento maior", disse.

Para Rosilene, é inegável o êxito da greve, a começar pela total adesão dos trabalhadores do transportes, numa paralisação total que durou o dia todo, como foi no Distrito Federal. Ela lembrou que, em nenhum outro momento da história, diversas categorias paralisaram as atividades por um dia em defesa de uma pauta nacional. "Se um movimento como esse, dessa proporção, já aconteceu em outro momento, eu não tenho conhecimento. Nunca vi", disse.

A dirigente sindical atribui o sucesso da greve ao envolvimento de todos os sindicatos e movimentos sociais em ações de conscientização da população sobre a paralisação, por meio de distribuição de panfletos, cartas e também com diálogos, debates e aulas públicas em escolas e outros espaços. "Ao contrário do dia 15 de março, que foi um 'esquenta' da greve geral de hoje e as pessoas foram pegas de surpresa, desta vez elas já tinham conhecimento. E a greve caiu na boca do povo. Nos últimos dias, e hoje, em toda casa no Brasil a greve foi tema de conversa."

Recado claro para o governo, para o Congresso, patrões e o Supremo Tribunal Federal (STF), a greve é também um indicativo para os trabalhadores, sindicatos, centrais e movimentos sociais para o fortalecimento da mobilização.

"Quem negar a greve estará sinalizando que pretende continuar com a política que a população rejeita. E nós devemos intensificar a mobilização. Agora, é avaliar a greve de hoje. E que esse dia 1º de maio seja mais que o dia do trabalho, do trabalhador, mas um reforço para essa luta."

VER FONTES>>>  http://www.redebrasilatual.com.br/trabalho/2017/04/28-de-abril-tornou-se-um-marco-o-dia-da-verdade-diz-dirigente-da-cnte

TV Globo omite greve geral

POLÍTICA

Um dia antes, TV Globo omite greve geral de seus noticiários "Notícia é o que acontece", escreveu apresentador. "Como concessionária, emissora tem obrigação de prestar serviço público", diz professor Lalo Leal por Redação RBA publicado 28/04/2017 12h27

    REPRODUÇÃO/TV GLOBO
Para o principal jornal da emissora, a programação dos 
movimentos desta sexta-feira não vinha ao caso

São Paulo – Quem assistiu aos noticiários da TV Globo, ontem à noite, em São Paulo, ficou sem saber que haveria uma greve geral no país nesta sexta-feira (28). Os telejornais da emissora SPTV 2ª Edição, Jornal Nacional e Jornal da Globo não fizeram qualquer menção ao movimento convocado pelas centrais sindicais e movimentos populares, que atinge praticamente todo o país.

O fato chamou a atenção de observadores, como o colunista do UOL Mauricio Stycer, especialista em televisão. "Sob qualquer ângulo que se olhe o assunto, concorde-se ou não com o movimento, trata-se de notícia de interesse público", escreveu em seu blog. "Nenhuma notícia sobre a convocação da greve, nem sobre os eventuais efeitos que pode causar em áreas de interesse do espectador, como transporte, saúde e educação, foi ao ar", acrescentou.

Ontem à noite, o jornalista Flavio Fachel, apresentador do Bom Dia RJ, arriscou uma explicação "jornalística" sobre o fato. "O que é notícia? É o que acontece. Se acontecer, a notícia é amanhã", escreveu no Twitter.

O também blogueiro Altamiro Borges registrou em sua página o método Globo. Lembrou que a emissora garantiu holofotes a todos os atos que defendiam o impeachment de Dilma Rousseff em 2015 e 2016 . "Nas marchas pelo impeachment, que resultaram no 'golpe dos corruptos' que agora retira direitos até dos 'coxinhas', a TV Globo acionou a sua poderosa estrutura para insuflar os manifestantes. A grade de programação da emissora chegou a ser alterada, com mudança de horário de novelas e até de jogos de futebol, para estimular os protestos", assinala Miro.

Ele pondera, porém, que a conduta seria previsível. "Afinal, nas últimas semanas a TV Globo utilizou seu 'jornalismo' para defender apaixonadamente as contrarreformas de Michel Temer. Aplaudiu a aprovação da 'reforma' trabalhista, que rasga os direitos previstos na CLT e faz o país regredir à escravidão. Das matérias já veiculadas sobre a "reforma" da Previdência, 91% foram para defender o fim da aposentadoria."

"Isso é uma censura, é o antijornalismo", afirma o professor Laurindo Lalo Leal Filho, colaborador da Rede Brasil Atual, sobre a cobertura. "É uma cobertura ideológica, que tomou lado", acrescenta. "A greve é contra o governo, contra as medidas que o governo está tomando." Lalo Leal observa que a TV é uma concessão pública e, "como concessionária, tem a obrigação de prestar serviço público".

Isso incluiria, por exemplo, informar a população sobre a greve – ou sobre seus possíveis efeitos. "É uma ação anticonstitucional", observa o professor.

O noticiário desta manhã fala sobre a greve, basicamente abordando os "transtornos" causados pelo movimento. Mas não trata dos motivos que levaram à paralisação.

O posicionamento fica ainda mais claro quando se observa, por exemplo, o comentário do apresentador William Waack, no Jornal da Globo de ontem. Além de praticamente repetir os argumentos do governo para aprovar a "reforma" trabalhista – uma das motivações da greve geral –, ele afirma que o Brasil "sinaliza com o que é moderno" no mundo.

VER FONTES>>> http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2017/04/telejornais-da-globo-na-vespera-da-greve-ignoraram-o-movimento-de-alcance-nacional

ELEIÇÕES

Voto nulo e novas eleições

Voto nulo e novas eleições

Polianna Pereira dos Santos1

De dois em dois anos, em eleições municipais ou regionais, sempre surge alguém para hastear a bandeira do voto nulo, declarando a finalidade de promover a anulação do pleito. Já passou da hora de superar essa ideia e entender, de fato, qual função pode ser atribuída ao voto nulo e ao voto em branco.

Para os defensores da campanha do voto nulo, o art. 224 do Código Eleitoral2 prevê a necessidade de marcação de nova eleição se a nulidade atingir mais de metade dos votos do país. O grande equívoco dessa teoria reside no que se identifica como “nulidade”. Não se trata, por certo, do que doutrina e jurisprudência chamam de “manifestação apolítica” do eleitor, ou seja, o voto nulo que o eleitor marca na urna eletrônica ou convencional.

A nulidade a que se refere o Código Eleitoral decorre da constatação de fraude nas eleições, como, por exemplo, eventual cassação de candidato eleito condenado por compra de votos. Nesse caso, se o candidato cassado obteve mais da metade dos votos, será necessária a realização de novas eleições, denominadas suplementares. Até a marcação de novas eleições dependerá da época em que for cassado o candidato, sendo possível a realização de eleições indiretas pela Casa Legislativa. Mas isso é outro assunto.

É importante que o eleitor tenha consciência de que, votando nulo, não obterá nenhum efeito diferente da desconsideração de seu voto. Isso mesmo: os votos nulos e brancos não entram no cômputo dos votos, servindo, quando muito, para fins de estatística. 

O Tribunal Superior Eleitoral, utilizando a doutrina de Said Farhat3, esclarece que “Votos nulos são como se não existissem: não são válidos para fim algum. Nem mesmo para determinar o quociente eleitoral da circunscrição ou, nas votações no Congresso, para se verificar a presença na Casa ou comissão do quorum requerido para validar as decisões4.”.

Do mesmo modo, o voto branco. Antigamente, quando o voto era marcado em cédulas e posteriormente contabilizado pela junta eleitoral, a informação sobre a possibilidade de o voto em branco ser remetido a outro candidato poderia fazer algum sentido. Isso porque, ao realizar a contabilização, eventualmente e em virtude de fraude, cédulas em branco poderiam ser preenchidas com o nome de outro candidato. Mas isso em virtude de fraude, não em decorrência do regular processo de apuração.

Hoje em dia, o processo de apuração, assim como a maneira de realizar o voto, mudou. Ambos são realizados de forma eletrônica, e a possibilidade de fraudar os votos em branco não persiste. O que se mantém é a falsa concepção de que o voto em branco pode servir para beneficiar outros candidatos, o que é uma falácia. 

O voto no Brasil é obrigatório – o que significa dizer que o eleitor deve comparecer à sua seção eleitoral, na data do pleito, dirigir-se à cabine de votação e marcar algo na urna, ou, ao menos, justificar sua ausência. Nada obstante, o voto tem como uma das principais características a liberdade. É dizer, o eleitor, a despeito de ser obrigado a comparecer, não é obrigado a escolher tal ou qual candidato, ou mesmo a escolher candidato algum. 

Diz respeito à liberdade do voto a possibilidade de o eleitor optar por votar nulo ou em branco. É imprescindível, no entanto, que esta escolha não esteja fundamentada na premissa errada de que o voto nulo poderá atingir alguma finalidade – como a alardeada anulação do pleito. Se o eleitor pretende votar nulo, ou em branco, este é um direito dele. Importa que esteja devidamente esclarecido que seu voto não atingirá finalidade alguma e, definitivamente, não poderá propiciar a realização de novas eleições. 

1 Bacharela em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas). Especialista (pós-graduação lato sensu) em Ciências Penais pelo Instituto de Educação Continuada na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (IEC PUC Minas). Assessora da Procuradoria Regional Eleitoral em Minas Gerais (PRE/MG). Professora de Direito Eleitoral na Faculdade de Direito de Conselheiro Lafaiete (FDCL). E-mail: poliannasantos@gmail.com

2 Art. 224. Se a nulidade atingir mais de metade dos votos do país nas eleições presidenciais, do Estado nas eleições federais e estaduais ou do município nas eleições municipais, julgar-se-ão prejudicadas as demais votações e o Tribunal marcará dia para nova eleição dentro do prazo de 20 a 40 dias.

3FARHAT, Said. Dicionário parlamentar e político. São Paulo: Melhoramentos; Fundação Peirópolis, 1996. 1 CD-ROM.

4 Disponível em: <http://www.tse.jus.br/eleitor/glossario/termos/voto-nulo/?searchterm=voto+nulo>. Acesso em: 26 maio 2013.

Gestor Responsável: Escola Judiciária Eleitoral
Outras Informações: http://www.tse.jus.br/institucional/escola-judiciaria-eleitoral/revistas-da-eje/artigos/revista-eletronica-eje-n.-4-ano-3/voto-nulo-e-novas-eleicoes

sábado, abril 22, 2017

A VIDA NÃO TEM PREÇO

AMOR PELA VIDA

Se você é pai ou mãe, sabe exatamente o que é amar um filho...


WebCool: Beth Portela
Olá....há dois anos atras aproximadamente eu passei pela maior batalha da minha vida até hoje. Continuo lutando dia a dia, mas crendo sempre na vitória final em nome de Jesus. Se você é pai ou mãe, sabe exatamente o que é amar um filho... sonhar com com seu rostinho enquanto ainda na barriga... depois vê lo crescer Saudavel, brincando, sorrindo, fazendo tudo que uma criança, adolescente, jovem, adulto tem direito. Mas hoje venho pedir a você, a sua ajuda para realizar o sonho de toda mãe.... de poder ver seu filho crescer com dignidade. A Debora é mãe do Nicollas, ele é portador da doença Amiotrofia Medular Espinhal e está internado no hospital em Caruaru. Eles moram na Cohab 3 da mesma cidade, e sonham em conseguir o valor de 3 milhões de reais para poder controlar essa doença. Os pais tem pouca renda e precisam de você nesse momento, em oração, em compartilhamento e em ajuda financeira, seja o valor que você puder. Só na cidade de Caruaru temos 300 mil habitantes, se cada um nos unirmos e doarmos 10 reais alcançamos o valor para o primeiro ano de tratamento, claro que nem todos ajudam, por isso se você tiver alguma condição, doe um pouquinho mais. Essa doença tem matado muitos infelizmente, mas cremos em nome de Jesus  que juntos venceremos essa doença, porque eu bem sei o quão Grandioso é o seu coração! Assistam esse vídeo lindo do Nicollas, encante-se, compartilhe, ajude! Procure nas redes sociais Ame Nicollas. Com dois LL!!!!!! Vamos lá, unir forças em prol desse príncipe!!!

AMD Naples tem até 32 núcleos e vem para competir com os Intel Xeon


Tecnologia

Por 
08/03/2017 às 16h15


Já conhece a nova extensão do TecnoblogBaixe Agora
Os primeiros chips Ryzen chegaram no início do mês fazendo bastante barulho, mas não é só com eles que a AMD espera fazer frente à Intel: a companhia está preparando a linha AMD Naples (nome provisório) para disputar espaço em servidores. Estamos falando de processadores com até 32 núcleos.
AMD Naples
É claro que os números altos não terminam aí. Além dos 32 núcleos, a linha AMD Naples terá 64 threads, suporte a 2 TB de RAM, oito canais de memória e 128 camadas de PCIe 3.0 por chip. Será possível usar os processadores em um esquema de soquete duplo, o que significa que o servidor poderá contar com o dobro desses recursos. Assim como a família Ryzen, os chips Naples terão como base a arquitetura Zen.
A AMD ainda não revelou resultados detalhados de testes, mas já fala que os chips Naples terão mais desempenho que os equivalentes da Intel. Até o momento, a empresa fez apenas uma comparação com o Xeon E5-2699A V4, também com soquete duplo: o chip da Intel precisou de 35 segundos para executar determinada carga de trabalho; o Naples, de 14 segundos.
Os primeiros processadores Naples deverão chegar ao mercado no segundo trimestre. Com a proximidade dos lançamentos é que conheceremos modelos, preços, nomes oficiais e, certamente, outros testes comparativos.
Naples versus Xeon
Naples versus Xeon
Como a intenção da AMD é disputar espaço com toda a linha Xeon, também podemos esperar por processadores com menos núcleos e, consequentemente, preços mais acessíveis. A própria companhia ressalta que não são todas as aplicações que se beneficiam de tanto poder de processamento.
Mas a AMD não terá um caminho fácil. A companhia passou os últimos anos com relevância quase nula no segmento de servidores. Em contrapartida, a Intel conquistou pelo menos 90% desse mercado. A confiabilidade obtida pela rival por conta disso pode ser um grande entrave para a linha Naples, mesmo que os processadores Xeon se mostrem mais caros e com menos desempenho.
Com informações: ExtremeTechPCWorld