terça-feira, setembro 06, 2016

VIVA SEMPRE O BRASIL!

LITERATURA

Poeta palmarense José Terra, mergulha no Idioma Espanhol, abre seu coração para o Italiano e se declara um apaixonado pelo Francês, viche, danouse, virou Internacional, agora é Donte tu vai Donte tu vem...
 
Foto: José Terra, Nascido em Palmares (PE). Vive em Recife desde 1996

Primeiro aprendi a Língua Espanhola (por causa do poeta espanhol García Lorca, dos nossos hermanos e das danças latinas)... Depois será o italiano (apenas por bel-prazer)... Agora é a Língua Francesa... País de língua belíssima (Que muitas vezes é chamada "a língua do amor") e cultura gigantesca... Me sinto lisonjeado de estar conhecendo "A Língua das luzes, de estar descobrindo um universo cultural incomparável... Basta ver que a França é o país mais visitado do mundo e Paris a cidade mais visitada do mundo... A França institucionalizou os direitos humanos, criou a concepção política de esquerda e direita, produz os melhores vinhos, os melhores perfumes, oficializou a culinária, tem os mais belos museus, os mais encantadores jardins, considerada referência no se vestir... Foi quem primeiro pôs a nudez no cinema, tem a segunda língua mais usada na internet e a segunda língua mais falada na Europa... Aprender a língua francesa significa também ter acesso (em versão original) aos textos dos grandes escritores franceses, feito Victor Hugo e Marcel Proust, e de poetas ilustres feito Arthur Rimbaud, Charles Baudelaire e Stéphane Mallarmé, entre outros... Significa também poder entender, em sua própria língua, atores feito Alain Delon e Juliette Binoche, além de ter o prazer de compreender e cantar as músicas de Edith Piaf e Charles Aznavour, por exemplo: É a língua dos grandes filósofos (Decartes, Satre, Derrida, etc.) e de cientistas de renome feito Pierre e Marie Curie, Pasteur e Georges Charpak. O francês é ao mesmo tempo língua de trabalho e língua oficial na ONU, UNESCO, OTAN, UNIÃO EUROPÉIA, COMITÊ INTERNACIONAL OLÍMPICO (Todos vimos na abertura e no encerramento das Olimpíadas!) e CRUZ VERMELHA INTERNACIONAL. E a Língua francesa no Brasil? Bem, há atualmente uma luta grande por parte de muitos educadores para a sua presença no Mec (se juntando ao inglês e ao espanhol) e há uma promessa forte da instalação de uma grande empresa francesa mais precisamente no Recife. Eu estava precisando muito APRENDER uma língua analítica, que estrutura o pensamento e desenvolve o espírito crítico. Eu não vejo a hora de dizer a todos "Je parle français"... Mas tem uma confissão que julgo necessário e muito mais importante do que tudo que falei aqui, AMO AINDA MAIS O BRASIL CONHECENDO OUTRAS CULTURAS. É conhecendo outras culturas que vejo de forma gritante a potencialidade do nosso país. Creio ser isso o que o Brasil mais precisa: abraçar a cultura, a criatividade do país, a população inteira!... Claro, claro, antes devemos fazer, apoiar e manter reformas políticas e estruturais urgentemente. É isso: Que os verbos FAZER, APOIAR E MANTER sejam a nossa Liberdade, Igualdade e Fraternidade. Apesar de tudo, VIVA SEMPRE O BRASIL!

Visite: http://joseterra-blogdepoesia.blogspot.com.br/